indicacao-midas
OFICINA MIDAS MAIS PRÓXIMA:
Remova aqui o seu email
Enviar

'ABC MIDAS' com O

Chegamos a um novo capítulo do nosso ABC Midas! Desta vez é a letra O, dos vários tipos de óleo, essenciais para garantir o bom funcionamento dos vários mecanismos do carro e estender a sua vida útil. (Se deu pela falta da letra N… não se preocupe! O seu carro e a língua Portuguesa decidiram dar-nos um descanso.)

 

Óleo da Caixa de Velocidades

Todas as caixas de velocidade precisam de manutenção, incluindo as caixas automáticas. A manutenção deve ser feita entre os 60 e os 80 mil quilómetros e deve englobar a troca do “óleo” – cujo nome técnico é fluído ATF – e a troca do filtro no caso das caixas automáticas. Se ouvir ruídos ou “estalidos” enquanto o carro está em ponto morto, provavelmente há uma avaria na caixa de velocidades. Não deixe atrasar e consulte uma oficina especialista, pois assim pode evitar uma reparação ou uma avaria muito mais dispendiosa. 

 

Caixa de velocidades automóvel

 

Óleo do Motor

Quando ouvimos falar em “trocar o óleo” ou “mudar o óleo”, quase sempre diz respeito ao óleo do motor. Este óleo é na verdade um lubrificante para o motor do automóvel, que diminui a fricção entre as peças e aumenta a vida útil do motor. Além disso, também promove o arrefecimento do motor, mantém o motor limpo, promove a poupança de combustível e protege-o da corrosão. 

 

Óleo a ser derramado

 

No entanto, o óleo começa a acumular partículas em suspensão, impurezas e sujidade, o que põe em causa a sua eficácia e eficiência. Para garantir que tudo funciona na perfeição, deve mudar o óleo e o filtro do óleo (os dois em conjunto) a cada 10.000 kms, 15.000 kms ou 20.000 kms consoante o tipo de óleo que tiver.

Tipos de Óleo de Motor

Os óleos do motor distinguem-se entre si pela sua viscosidade, pelo nível de desempenho e pela sua origem. Em relação a esta última, vejamos as 3 categorias principais: 

 

– óleos minerais – derivam do petróleo “cru”, que depois é refinado para ser utilizado como lubrificante. É o mais económico de todos os tipos de óleo, embora não seja apto para carros mais modernos. 

– óleos semi-sintéticos – combinam as características dos óleos minerais e dos óleos sintéticos. Não aguentam tanto tempo como os óleos sintéticos, mas também são mais acessíveis. A duração média de um óleo semi-sintético é de 15.000 kms.

– óleos sintéticos – são produzidos artificialmente e recomendáveis para automóveis atuais. São capazes de suportar um intervalo maior de temperaturas e têm uma vida útil extensa, estando aptos a suportar em pleno até 30.000 kms. 

 

Viscosidade do óleo

Cada embalagem de óleo tem a sua própria designação com dois números separados por uma letra, o W – por exemplo, 5W30, 5W40, etc. Qual o seu significado?

  • O primeiro número indica a viscosidade do óleo em baixas temperaturas, quando o motor ainda está em repouso. 

  • O segundo número, depois do W, refere-se à viscosidade do óleo a 100ºC, quando o veículo já está em movimento. 

 

Quanto mais baixos forem ambos os números, significa que estamos perante um óleo sintético, com menos viscosidade. 

 

Os óleos menos viscosos chegam mais rápido e com mais facilidade às componentes do motor, o que reduz o atrito entre cada uma delas. Além disso, auxiliam a poupança de combustível e as emissões de gases poluentes. No entanto, um número mais alto (por exemplo, 40W) indica um melhor desempenho a altas temperaturas, o que pode ser preferível em climas quentes. 

 

Desempenho do óleo

O desempenho reflete o rendimento mínimo do óleo e é estabelecido por três instituições internacionais: 

– SAE, desenvolvido pelos engenheiros de transporte da SAE Internacional. De acordo com esta classificação, os óleos podem dividir-se entre Inverno, Verão e apropriados para todas as estações.

– API, de acordo com o Instituto Americano do Petróleo. Dividem-se nos seguintes grupos: S (motores a gasolina), C e F (motores a diesel). As categorias de serviço SN, CK-4 e FA-4 cumprem os requisitos mais recentes.

– ACEA, da Associação dos Construtores Europeus de Automóveis. As classificações A/B são para motores a diesel e gasolina; C para motores novos e E para motores a diesel de veículos de carga.

 

Óleo Hidráulico 

O óleo hidráulico, também conhecido como fluido hidráulico, é utilizado para lubrificar a caixa da direção. Há várias mudanças que pode detetar no óleo hidráulico e que indicam que precisa de mudar este tipo de óleo, nomeadamente: 

  • o líquido fica turvo

  • o líquido muda de cor

  • surge uma película na sua superfície

  • surge uma mudança na viscosidade

  • surge um cheiro a queimado durante a condução 

  • surge uma espuma no reservatório do óleo. 

 

Geralmente, recomendamos verificar a necessidade de reabastecimento do líquido hidráulico a cada 60 mil quilómetros. 

Tal como o óleo para o motor, o óleo hidráulico divide-se em diferentes classes. Podem ser óleos minerais, semi-sintéticos e sintéticos. Normalmente, a embalagem indica a seguinte classificação:

 Classificação   Descrição  Viscosidade   Pressão 
HL Contêm aditivos antioxidantes e anti-corrosivos < 80 < 100 bar  
HPL Contêm aditivos antioxidantes, anti-corrosivos e que impedem o seu desgaste 80 - 100 > 100 bar
HVLP Contêm aditivos antioxidantes, anti-corrosivos e anti-fricção até 140 >100 bar

Data de criação: 09 . 11 . 2019 |
Data de actualização: 08 . 11 . 2019

Autor: Sara Anjos


artigos relacionados

'ABC MIDAS' com J

'ABC MIDAS' com J

O nosso ABC Midas está de volta, desta vez com a letra J. Mas se acha que tudo o que esta letra esconde são as jantes do carro, prepare-se para ter uma surpresa. Hoje, falamos-lhe também das juntas e dos vedantes – essenciais para garantir o bom funcionamento do motor e da injeção do combustível.

ver mais
'ABC MIDAS' com L

'ABC MIDAS' com L

Estamos de volta com mais um ABC Midas. Hoje trazemos-lhe o L! As luzes são fundamentais para circular de forma segura na estrada, mas ainda há muitas dúvidas sobre as luzes obrigatórias e as diferentes designações que podem ter. Será que as luzes de presença são o mesmo que os mínimos? O que são as luzes de estrada? Esperamos que este artigo faça luz no seu ABC de bom condutor e torne tudo mais simples. Vamos arrancar?

ver mais
'ABC MIDAS' com M

'ABC MIDAS' com M

Já alguma vez se perguntou porque é que o seu carro detecta o seu cansaço a conduzir? Será que sabe como funciona o motor do carro? É tudo isto que queremos esclarecer neste novo capítulo do ABC Midas!

ver mais